• 14/06/2024

Protetor solar: qual o fator de proteção ideal para sua pele?

Escolher o protetor solar certo é essencial para manter a pele saudável e protegida dos danos causados pelos raios solares. Entre as variadas opções disponíveis no mercado, surge a pergunta: qual o fator de proteção ideal para a sua pele?

Veja também

Envelhecimento saudável: 5 dicas de bem-estar para a terceira idade

Encontrar o equilíbrio entre eficácia e necessidades individuais é crucial. Afinal, a escolha do fator de proteção não é apenas sobre números, mas sobre garantir uma defesa eficaz e personalizada contra os efeitos nocivos do sol.

De acordo com a orientação de especialistas, é recomendado que o fator de proteção ideal para protetores solares, corporais ou faciais, seja de pelo menos 30. Além disso, destaca-se a relevância de verificar o PPD no rótulo do produto, pois, de acordo com as diretrizes, um produto solar deve ter pelo menos um terço do fator de proteção solar de PPD para ser considerado eficaz.

Leia também   Como lavar as mãos corretamente

O biomédico Matheus Castro esclarece que, além do número do FPS, o tipo de pele de cada pessoa precisa ser levado em conta na hora de escolher o produto ideal.  Pessoas que têm a pele muito clara precisam de, no mínimo, uma proteção solar de 50. Os de FPS 30, atendem as necessidades de proteção da pele negra.

Foto: iStock

“Quanto mais clara a pele da pessoa for, quanto mais baixos forem os fototipos, maior vai ser o FPS, justamente por causa da sensibilidade frente à luz solar”, explica o especialista.

Leia também   Conheça as razões e tratamentos mais comuns para queda de cabelos

Tempo de retoque

O período recomendado para retoque do filtro solar, independentemente do seu FPS, é a cada 3 horas. Em dias de calor intenso, nos quais ocorre sudorese, ou quando a pessoa entra em contato com água, como nadar na piscina ou no mar, por exemplo, é aconselhável realizar o reaplicação em intervalos menores, assim que a pele estiver seca.

A manutenção do retoque deve ser realizada sempre com um fator de proteção ideal, pois o produto anteriormente aplicado perde sua efetividade ao longo do tempo. Portanto, é crucial garantir a utilização do mesmo fator de proteção para assegurar uma defesa contínua e eficaz contra os raios solares.

Leia também   ANS retira teste para covid-19 de lista obrigatória de cobertura

(Portal Terra)

 

 

Read Previous

Relator da LDO 2024 parabeniza Gilvan Máximo pela inclusão do auxílio-moradia da PMDF e CBMDF no orçamento da União

Read Next

ABBP divulga nota sobre as eleições municipais no País