• 20/07/2024

Envelhecimento saudável: 5 dicas de bem-estar para a terceira idade

O envelhecimento da população é uma tendência global, e no Brasil não é diferente. Estimativas apontam que até 2050, o número de idosos no país saltará de 31 milhões para 60 milhões, representando quase 30% da população, indica o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Veja também

Água de coco: 5 bons motivos para apostar nela

Envelhecimento saudável: 5 dicas de bem-estar para a terceira idade -
Envelhecimento saudável: 5 dicas de bem-estar para a terceira idade – Foto: Shutterstock / Saúde em Dia

E todos sabemos que não tem como escapar do envelhecimento, mas é possível vivenciá-lo da forma mais saudável, com práticas que vão manter uma qualidade de vida elevada. Pensando nisso, o fisioterapeuta Mario Chueire dá  algumas dicas para preservar a saúde na terceira idade. Confira:

Leia também   Afinal, tomar suplemento de colágeno evita o envelhecimento?

Conselhos para uma vida saudável durante o envelhecimento

Atividade física regular: a manutenção de um estilo de vida ativo é crucial, destaca Mario. Por isso, caminhadas, exercícios de baixo impacto, e exercícios de força são excelentes opções para manutenção da massa muscular e condicionamento físico.

Alimentação balanceada: segundo o profissional, uma dieta rica em frutas, vegetais, proteínas magras e fibras ajuda a manter a saúde em dia.

Atividades mentais: exercitar o cérebro é tão importante quanto o corpo. Portanto, jogos mentais, leitura e aprendizado contínuo são práticas recomendadas.

Socialização: conforme o profissional, manter conexões sociais é vital para o bem-estar. “Participar de grupos, clubes ou atividades comunitárias pode promover a saúde mental. Estar com a família e amigos, ir ao cinema, por exemplo, pode fazer total diferença”, diz ele.

Leia também   5 dicas para ter bons resultados com os treinos em casa

Importância da fisioterapia na terceira idade

Além dessas atitudes, o idoso pode buscar a ajuda da fisioterapia para restaurar a mobilidade e funcionalidade, aliviar dores crônicas e prevenir lesões.

“O envelhecimento não é uma limitação, mas sim uma oportunidade para explorar a vida de maneira diferente. Com exercícios personalizados para idosos e adaptados às suas necessidades individuais”, diz Mario.

Vale lembrar que possuir uma reserva de músculos é como ter uma espécie de “poupança” para o futuro, garantindo uma boa qualidade de vida durante o envelhecimento, finaliza o especialista.

Saúde em Dia

 

Leia também   Exercícios aeróbicos e anaeróbicos: o que é e benefícios

Read Previous

Confira os números do concurso 2663 da Mega-Sena

Read Next

‘Não há nada a temer’, diz presidente da Guiana após Venezuela convocar referendo