• 20 de maio de 2022

Caiado não cumpre promessa de retomar obras do Hugo 9 em Águas Lindas

Por Fabiana Oliveira 

A visita do pré-candidato a governador pelo estado de Goiás, Gustavo Mendanha (Patriotas), a cidade Águas Lindas de Goiás, que fica na região do Entorno do DF, trouxe à tona uma discussão com as lideranças políticas do município: a conclusão do Hospital Hugo 9, obra abandonada pelo governador Ronaldo Caiado (União Brasil).

Veja também

Abandonados por Caiado, prefeitos do Entorno passam a apoiar Gustavo Mendanha para o governo

Caiado em 2018 afirmou que a obra do Hospital Hugo 9 seria retomada e a unidade seria entregue à população que tanto necessita de atendimento adequado na área da saúde.

Em agosto de 2019, Ronaldo Caiado fez um teatro assinando uma então ordem de serviço de retomada das obras do Hugo 9.

Leia também   Governador Ronaldo Caiado sanciona lei que obriga distribuição de EPIs a todos os trabalhadores durante a pandemia da Covid-19

O hospital é um sonho para a população de Águas Lindas que até hoje espera pela inauguração. Apesar de toda a encenação feita, o hospital Hugo 9 continua fechado.

Entenda melhor

Ainda em 2019, o então prefeito Hildo do Candango, que se despedia do cargo, solicitou ao governador Caiado retomasse a tão sonhada obra.

Caiado aproveitou a ocasião e reforçou o compromisso feito durante campanha. O hoje governador disse na época que iria entregar o Hugo 9 e torná-lo referência não só para atender a população local como parte do Entorno.

A encenação foi tanta que ele afirmou que a primeira cirurgia a ser feita no novo hospital seria ele o cirurgião, ou o então novo prefeito de Águas Lindas, eleito Lucas Antonietti.

Já se passaram quase quatro anos do governo Caiado e mais dois anos de gestão do prefeito Lucas e a população espera por esta tão sonhada cirurgia que não ocorreu, pois não há hospital.

Leia também   Goiás é 1º no País a retornar às aulas 100% presenciais

Reação de Mendanha

Em visita a cidade de Águas Lindas e várias outras cidades do Entorno, o forte pré-candidato Gustavo Mendanha, falou que em sua campanha não tem espaço para discursos enganadores como vem fazendo seu principal adversário o atual governador de Goiás.

Mendanha afirmou que se eleito assumirá todos os problemas da capital e do Entorno para que seja dada uma solução assim como fez quando foi prefeito por duas vezes na cidade de Aparecida de Goiânia.

Quando assumiu a prefeitura de Aparecida, Gustavo Mendanha encontrou a cidade abandonada na parte da infraestrutura, a saúde estava um caos e os índices de violência eram altíssimos.

Leia também   EXCLUSIVO | Em 10 dias, Governo de Goiás ativa mais 62 leitos para o tratamento da Covid-19

Em sua gestão, ele transformou a cidade e inaugurou o maior hospital municipal do Centro-Oeste, construído e gerido pela prefeitura.

Inaugurado em 2017 o hospital não só atende a cidade de Aparecida como também outros municípios goianos que não tem condições de dar atendimento nessa área.

O hospital conta com mais de 230 leitos e na pandemia salvou muitas vidas recebendo pacientes de outros estados.

Antes de renunciar ao cargo de prefeito, Mendanha passou a gestão do HMAP para o Albert Einstein, referência internacional em excelência na prestação de serviços de saúde.

“É com coragem e determinação que a gente pode transformar a vida do povo goiano para melhor. Esse é o meu compromisso com a esquecida população do Entorno”, garantiu.

 

Read Previous

Crianças com autismo mostram suas visões de mundo por meio de animações criadas por elas mesmas

Read Next

Nova Luos favorece o ambiente de negócios e a regularização