• 24/05/2024

Ibaneis envia equipes de bombeiros e agentes da Defesa Civil do Distrito Federal para prestar auxílio no Rio Grande do Sul

O governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB), determinou que o Corpo de Bombeiros (CBMDF) e a Defesa Civil ofereçam toda a ajuda necessária ao Rio Grande do Sul em meio às fortes chuvas que já deixaram 31 mortos, 74 desaparecidos e 17 mil desalojados.

A decisão foi tomada pelo governador nesta sexta-feira (3/5), e a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP-DF) já começou a coordenar o envio dos recursos necessários para o Sul.

O secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, Sandro Avelar, informou que 14 bombeiros e dois agentes da Defesa Civil da capital do país, especializados em busca e salvamento, serão enviados para o Rio Grande do Sul. A previsão é que eles cheguem na noite deste sábado (4/5).

Leia também   Eleições 2022: Bolsonaro e Lula vão esmagar o centro fragmentado, dizem especialistas

A equipe do DF levará três picapes, um caminhão com mantimentos para 14 dias, duas lanchas, dois cães farejadores e quatro drones para auxiliar nas operações de busca por vítimas.

“Uma força-tarefa de vários Estados está sendo deslocada para ajudar o Rio Grande do Sul e, no nosso caso, vamos oferecer uma ajuda significativa, pois são militares especializados em resgate e salvamento”, afirmou Avelar à coluna.

O comandante-geral do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF), coronel Sandro Gomes Santos da Silva, destacou que a equipe enviada ao Rio Grande do Sul possui experiência em tragédias como a de Brumadinho, as fortes chuvas na Bahia e atuação no Haiti. “Essa equipe possui uma vasta experiência. É a melhor que poderíamos enviar”, afirmou o coronel.

Leia também   Ibaneis Rocha é afastado do cargo por 90 dias e Celina assume o GD

Nos 235 municípios afetados pelas tempestades no Rio Grande do Sul, mais de 300 mil pessoas sofrem algum tipo de consequência devido às fortes chuvas. No total, 7,1 mil pessoas estão em abrigos e 17 mil estão desalojadas. A região com mais óbitos é Gramado, que registrou quatro mortes.

Read Previous

Prazo para emitir e regularizar título de eleitor termina dia 8

Read Next

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado em R$ 28 milhões