• 25 de janeiro de 2021

Moderna buscará autorização emergencial para vacina nos EUA e na UE após eficácia de 94,1%

A Moderna anunciou nesta segunda-feira que pedirá autorização para uso emergencial de sua potencial vacina contra Covid-19 nos Estados Unidos e na Europa com base em resultados completos de estudos em estágio avançado que mostraram que a vacina tem eficácia de 94,1% sem preocupações graves de segurança.

Veja também

Reino Unido deve aprovar vacina contra covid-19 nos próximos dias

A empresa também relatou que o imunizante teve 100% de sucesso na prevenção de casos graves da doença. A informação coloca a Moderna como a segunda empresa que deve receber autorização para uso emergencial de sua vacina nos EUA ainda neste ano.

Leia também   Movimento católico quer volta das missas; padre pede prudência

“Acreditamos que temos uma vacina que é altamente eficaz. Agora temos os dados para provar isso”, disse o chefe médico da Moderna, Tal Zaks, em entrevista por telefone. “Esperamos desempenhar um papel importante na virada sobre esta pandemia.”

Zaks disse ter ficado emocionado ao ver o resultado de eficácia de 94,1% no fim de semana: “Foi a primeira vez que eu me permiti chorar. Neste nível de eficácia, quando você faz as contas do que significa para a pandemia que está nos devastando, é esmagador”.

Leia também   Turma da Mônica é aliada no combate à violência contra a mulher

O anúncio da Moderna vem depois de notícias da Pfizer e de sua parceria alemã BioNTech de que a candidata a vacina de ambas tem 95% de eficácia. A Pfizer pediu autorização para uso emergencial nos EUA e está cerca de uma semana à frente da Moderna.

Além do pedido nos EUA, a Moderna disse que também solicitará aprovação condicional na Agência Europeia de Medicamentos, que já iniciou uma análise contínua dos dados.

(Reuters)

Avatar

Destaque DF

Read Previous

Receita paga restituição do IR 2020 para quem caiu na malha fina

Read Next

Mais luz para as escolas e quase 7 mil lâmpadas trocadas